Ocorrência de estupro em São Luiz Gonzaga

Segundo ocorrência enviada pelo CRPO Missões, ocorreu na tarde desta terça-feira (12), em São Luiz Gonzaga, por volta das 17h: 35 min, um chamado à Brigada Militar de que uma menor estava sofrendo abuso sexual por parte de seu padastro.

A guarnição da Brigada deslocou-se até a residência da vítima e confirmou as acusações. As partes foram conduzidas até á Delegacia de Polícia, juntamente com o Conselho Tutelar. O acusado encontra-se em regime semi-aberto na penitenciária desta cidade.

Nossa reportagem entrou em contato com o presidente do Conselho Tutelar, Cezar Matos, que nos informou sobre o fato. Segundo Cezar, a menina de 17 anos vinha sofrendo abusos do padrasto há algum tempo, sua mãe saía para trabalhar bem cedo de casa e a menina ficava sozinha com o padastro, momento que ocorria o fato. A menor por medo nunca contou nada.

Cezar destacou ainda, que a menor será acompanhada pelo programa Sentinela, com apoio psicológico e de saúde. O conselheiro disse ainda, que fatos como esses são corriqueiros em nosso município, no mês de janeiro foram 15 casos registrados, o número diminuiu um pouco nos meses seguintes, porém não deixa de preocupar o conselho. Outro fato é que não são somente meninas que sofrem esse tipo de abuso, meninos também estão nas ocorrências. E as classes sociais onde ocorrem esses abusos variam.

O homem que foi pego em flagrante abusando da menina ontem à tarde, estava cumprido regime semi-aberto na penitenciária local, pelo mesmo crime, em 2001 havia abusado de uma neta.

A Delegada Regional Elaine Schons destacou que a ocorrência foi encaminhada ao judiciário, o qual decidirá se ele regredirá de pena, saindo do regime em que se encontra, ou não.

Divulgue!