De 2007 a 2013, vereadores reajustaram seus subsídios em 178%

De 2007 para cá, os subsídios do vereadores de São Luiz Gonzga foram reajustados em 178%, passando de R$ 2.160 até o final de 2008 para R$ 6.012 a partir de 2013. O último reajuste, ocorrido no dia primeiro, elevando o subsídio de um vereador de R$ 3.469 para 6.012, representou um aumento de 73%.

A base legal para tal reajuste foi a lei que diz que em cidades com população entre 10.001 e 50 mil habitantes, o salário dos vereadores pode ser de no máximo 30% do salário do legislativo estadual. O novo salário aprovado de forma unânime pelos vereadores são-luizenses representa exatamente 30% dos vencimentos de um deputado estadual.

Este aumento, conjugado com a adição de 4 novos vereadores na próxima legislatura e o pagamento de 13º, deve elevar o gasto da Câmara Municipal, apenas com os salários dos vereadores, para cerca de R$ 1.016.000 (um milhão e dezesseis mil reais) – isso sem se levar em consideração os gastos derivados do aumento do número de vereadores como verbas de gabinetes, diárias e salário de assessores.

O presidente da Cãmara Municipal de Veradores de São Luiz Gonzaga, Mário Trindade, afirma que concorda com o aumento e o acha justo. “Foi feito um trabalho, já estava nas comissões esta proposta, foi bem analisado, a decisão foi tomada conforme a lei e o orçamento da Câmara, então eu acho que só estamos dando uma oportunidade para que se pague melhor aos próximos vereadores” afirmou Mário Trindade.

Este aumento já tinha sido implementado, mas o Tribunal de Contas do Estado (TCE) considerou o reajuste inconstitucional porque ele passaria a valer já nesta legislatura. Porém, o reajuste da semana passada é legal já que os novos salários só começam a ser pagos no ano que vem, em um novo mandato.

Além dos subsídios dos vereadores, o pagamento para o cargo de Prefeito, Vice-Prefeito e Secretários também foram reajustados.

Divulgue!